27, 28 e 29 de Abril

Quintinha do MAR (Ericeira)

Semear a FELICIDADE através da GRATIDÃO

PORQUÊ EXPLORAR A GRATIDÃO NESTE RETIRO?

A Primavera é a altura do ano em que os dias de sol, luz e calor começam a ser cada vez mais. Este sol faz com que comecem a florescer, um pouco por todo o lado, arvores, plantas, flores, frutos, etc. É tempo de colher o que foi semeado antes. Por isso, o convite é que neste retiro trabalhemos a gratidão para connosco, para com os outros e para com a vida em geral. Afinal, a gratidão é uma atitude de reconhecimento de que recebemos algo (uma ajuda, uma oferta, um reconhecimento, uma bênção, um beneficio, etc.).

O grande desafio deste retiro é que encontre uma forma adequada a si e à sua vida de praticar a gratidão como forma de semear uma vida mais feliz para si mesmo, e por consequência para todos aqueles que são significativos para si.

Assim, neste retiro vai:

Descobrir o quanto é bom estar na sua própria companhia, principalmente em contacto com a Natureza;

Aprender a reconhecer pequenas graças que acontecem todos os dias na sua vida;

Adquirir técnicas e estratégias práticas que pode usar no seu dia-a-dia no sentido de semear uma vida mais feliz e alinha consigo.

PORQUÊ O FIM DE SEMANA DE 27, 28 E 29 DE ABRIL?

Estaremos nesta altura em plena Primavera, os dias apresentam-se solarengos e com uma temperatura ambiente que nos convida a olhar em volta: de nós, da nossa vida e do que nos rodeia - com outra disponibilidade. As próprias cores fortes e os cheios característicos desta época atraem a nossa atenção para fora numa postura disponível para observar, identificar e reconhecer o bela, o bom, o positivo, o que acrescenta valor a tudo o quanto já somos.

Para além disto, para muitos este será um fim de semana grande, poiso dia 25 de Abril é na quarta-feira dessa mesma semana. Assim, a logística com a família/amigos pode ficar relativamente mais simples, uma vez que os familiares e amigos também estarão mais disponíveis para ajudar/apoiar no caso de existirem crianças que é necessário orientar previamente. 

ONDE SE VAI REALIZAR?

O "Retiro de Primavera – Semear a felicidade através da gratidão" será realizado na Ericeira, um cantinho à beira mar que por si só já é um verdadeiro retiro da agitação da cidade. Mais especificamente, será na Quintinha do Mar, uma propriedade que está situada a 40 minutos de Lisboa. 

Este foi o local escolhido pelas suas caraterísticas únicas:

- É um espaço de puro contacto com a Natureza (incluindo com o mar), onde se respira ar puro;
- Tem uma vista sobre o horizonte que nos permite avistar o mar, o que o torna um verdadeiro recanto de silêncio, paz e contemplação;
- Tem todas as condições de acomodação necessárias, quer em termos de alojamento, quer em termos de espaço para a realização de atividades de grupo.

QUEM SÃO OS FACILITADORES?

Rita Mendes

Counselor & Facilitadora de Meditação

Liliana Patrício

Coach de Psicologia Positiva

QUAIS SÃO AS CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO?

A participação no retiro tem o valor de:

- 185 até dia 31 de Março;
- 200 a partir de dia 1 de Abril.

Este valor inclui:

Acompanhamento por duas facilitadoras qualificados que estarão sempre presentes ao longo do retiro;

Alojamento de dia 27 até dia 29 de Abril, em quartos partilhados;

Refeições vegetarianas: 2 jantares, 2 pequeno-almoços e 2 almoços + Fruta, água e chá à disposição.

COMO POSSO TER ACESSO AO PROGRAMA COMPLETO DO RETIRO?

O Retiro de Primavera conta com vários exercícios baseados na Psicologia Positiva, no Counseling e no Coaching e muitos momentos de reflexão com base na meditação e no mindfulness.

Para ter acesso ao programa completo basta enviar um e-mail para geral@retirosdasestacoes.com

COMO ME POSSO INSCREVER?

As inscrições são formalizadas exclusivamente via e-mail, pelo que para se inscrever ou obter qualquer outra informação deve de nos contactar via  e-mail para geral@retirosdasestacoes.com

Pessoas que sabem agradecer são mais felizes e conseguem criar relacionamentos mais sólidos e duradouros.

É precisamente isto que procura para a sua vida, certo?!